Thursday, January 5, 2012

Each one's house - Walcyr Carrasco




(Texto em ingles e portugues - Text in english and portuguese)

My mom sent me this text and because I think it is a good reading for this time of the year I decided to share it with you. I translated it from portuguese to english so we could all enjoy it.




Each one's house by Walcyr Carrasco

At this time of the year, I like to deal with life. I give clothes that I do not use anymore,books I do not want to read again. I ship boxes to libraries.I may even drop a volume in a mall or cafe, with a message: "Read and pass it on."I try to evaluate my actions through a larger perspective. I think of the story of the Three Little Pigs. Each built his house. Two of them, the wolf easily knocked down. But the third survived because it was solid. In my opinion, children's stories have great wisdom, beyond the story itself.I like this one especially. I imagine that the life of each one is like a home. Weak or strong, depending on how it is constructed. 
Many people have approached me saying: I have a dream, I will make it a reality! - I shudder.Often the dream is pretty much like a house well painted. But without a foundation. The walls crack, the house suddenly collapses, and the person is left only with rubble. It is a shame 
..In my professional field, that's very common.
 
Every day I am approached by someone who dreams of being an actor or actress without ever having studied or done any theater. How is it possible to play all the chips in a profession that one does not even know? Some people drop everything for a passion. A friend left a wife and a newborn son. The new passion lasted until the night in which, in a 10th floor apartment, the lover said she could fly. Stop playing around, he said.I know how to fly, I do! She countered. She opened her arms, ready to jump from the window. He tried to stop her. He screamed for help. They almost plummeted. He is now living alone with a cat, reminiscing about the good times of his past domestic life, missing his son and life's harmony! 

Some people are concerned only with the foundation. Totally engaged in the material life. When it gets windy, they do not have walls to protect themselves. Others do not put doors. Anyone can enter their lives. 
 I have a friend who can not say NO (the word is not as magical as an armored door). He lends his money and never receives it back. He only dates problematic women . He lives surrounded by people who suck his energy just as authentic emotional vampires. The other day I asked him: Why do you surround yourself with so many bad people? He ensures me that next year it will be different.
Nothing will change until he repairs the house of his life. There are ordinary people who do not think of the roof. They live as if days of the storm will never came. When it rains, the house floods.Unlike people that only care about foundations, they do not worry about tomorrow. 

Once a friend was able to sell a valuable piece of land that she had received as an inheritance. I told her: "Now you can buy an apartment to live." She preferred to rent a villa. She furnished it. For months she lived like a queen. Almost a year later, she had no money to put food on the table! 
I take the end of the year holidays to examine the house that I've built. Did a wall crack because I took a stand against my principles? Did I leave a broken tile? Is there is a pending issue bothering me like a leak? Does my door have a key to be securely locked when necessary, but also to be open when people come with love? It is a good time to decide what to fix. To change something and make the home more enjoyable. I'm surrounded by a very special feeling. Over the years, each person builds his own house. The good thing is that you can always remodel, re-arrange, re-decorate!In the eternal opportunity to restart, lives the beauty of being the architect of your own life. 



CASA DE CADA UM(texto de Walcyr Carrasco)

Nesta época, gosto de tratar da vida.
Dou a roupa que não uso mais.
Livros que não pretendo reler. Envio caixas para bibliotecas.
Ou abandono um volume em um shopping ou café, com uma mensagem: "Leia e passe para frente!".

Tento avaliar meus atos através de uma perspectiva maior.
Penso na história dos Três Porquinhos. Cada um construiu sua casa. Duas, o Lobo derrubou facilmente.
Mas a terceira resistiu porque era sólida. Em minha opinião, contos infantis possuem grande sabedoria, além da história propriamente dita.
Gosto desse especialmente.
Imagino que a vida de cada um seja semelhante a uma casa. Frágil ou sólida, depende de como é construída.
Muita gente se aproxima de mim e diz: Eu tenho um sonho, quero torná-lo realidade! Estremeço.
Freqüentemente, o sonho é bonito, tanto como uma casa bem pintada. Mas sem alicerces.
As paredes racham, a casa cai repentinamente, e a pessoa fica só com entulho. Lamenta-se..
Na minha área profissional, isso é muito comum.

Diariamente sou procurado por alguém que sonha em ser ator ou atriz sem nunca ter estudado ou feito teatro.
Como é possível jogar todas as fichas em uma profissão que nem se conhece?
Há quem largue tudo por uma paixão. Um amigo abandonou mulher e filho recém-nascido.
A nova paixão durou até a noite na qual, no apartamento do 10º andar, a moça afirmou que podia voar.
Deixa de brincadeira , ele respondeu.
Eu sei voar, sim! rebateu ela.
Abriu os braços, pronta para saltar da janela. Ele a segurou. Gritou por socorro. Quase despencaram.
Foi viver sozinho com um gato, lembrando-se dos bons tempos da vida doméstica, do filho, da harmonia perdida!

Algumas pessoas se preocupam só com os alicerces. Dedicam-se à vida material.
Quando venta, não têm paredes para se proteger.
Outras não colocam portas. Qualquer um entra na vida delas. 
Tenho um amigo que não sabe dizer não (a palavra não é tão mágica quanto uma porta blindada).
Empresta seu dinheiro e nunca recebe. Namora mulheres problemáticas.
Vive cercado de pessoas que sugam suas energias como autênticos vampiros emocionais.
Outro dia lhe perguntei: Por que deixa tanta gente ruim se aproximar de você?
Garante que no próximo ano será diferente. Nada mudará enquanto não consertar a casa de sua vida.

São comuns as pessoas que não pensam no telhado. Vivem como se os dias de tempestade jamais chegassem.
Quando chove, a casa delas se alaga.
Ao contrário das que só cuidam dos alicerces, não se preocupam com o dia de amanhã.

Certa vez uma amiga conseguiu vender um terreno valioso recebido em herança.
Comentei:
Agora você pode comprar um apartamento para morar.
Preferiu alugar uma mansão. Mobiliou. Durante meses morou como uma rainha.
Quase um ano depois, já não tinha dinheiro para botar um bife na mesa!

Aproveito as festas de fim de ano para examinar a casa que construí.
Alguma parede rachou porque tomei uma atitude contra meus princípios?
Deixei alguma telha quebrada?
Há um assunto pendente me incomodando como uma goteira?
Minha porta tem uma chave para ser bem fechada quando preciso, mas também para ser aberta quando vierem as pessoas que amo?

É um bom momento para decidir o que consertar. Para mudar alguma coisa e tornar a casa mais agradável.
Sou envolvido por um sentimento muito especial.
Ao longo dos anos, cada pessoa constrói sua casa.
O bom é que sempre se pode reformar, arrumar, decorar!
E na eterna oportunidade de recomeçar reside a grande beleza de ser o arquiteto da própria vida.


1 comment: